Sereias, saiba como substituir o glitter feito de microplásticos por alternativas que não agridam o meio ambiente!

Vamos entender a história do glitter….

O glitter é feito de microplásticos, ou seja, partículas minúsculas de plástico e outras coisinhas mais que não se decompõem na natureza. Essas substâncias são tóxicas e acabam poluindo rios e oceanos.

Image result for glitter

 

E agora, como assim Carnaval sem glitter ? Calma, nem tudo está perdido! Conheça receitinhas ecológicas, orgânicas e sustentáveis para não deixar de brilhar na folia:

 

Glitter caseiro de sal

Image result for glitter de sal

 

sal pode ser um vilão no quesito hipertensão, mas é nosso aliado na hora de substituir o glitter! Basta misturar sal com corante alimentício (cor de sua escolha) em um potinho, deixando secar de 3 a 4 horas antes de usar. Para maior fixação da cor, você ainda pode assar seu glitter caseiro de sal no forno (10 a 15 minutos, a 180 °C). Vale lembrar que, para grudar no corpo, você vai precisar usar algo fixador como base, como vaselina ou gloss.

 

Glitter comestível de confeiteiro

Image result for glitter comestivel

glitter comestível , utilizado na decoração de bolos e doces chiquérrimos, é 100% biodegradável e, por isso, pode usar na pele para o Carnaval sem dó! É encontrado para compra em lojas especializadas, também dá pra fazer em casa com ingredientes simples: gelatina em pó e corante alimentício. Confira a receita:

 

Ingredientes: 
1 pacote de gelatina em pó sem sabor
3 colheres de sopa de água gelada
Corante comestível da cor desejada

Material: 
Borrifador (spray) de água
Tapete de silicone ou alguma superfície plástica
Pincel largo e macio
Processador de alimentos ou um  liquidificador

Modo de preparo: 
Coloque a gelatina em pó num potinho de vidro e borrife a água gelada uniformemente, sem misturar. Deixe descansar por 5 minutos. Leve ao microondas por 30 segundos, parando a cada 10 segundos para misturar. Acrescente o corante alimentício e misture bem. Pincele a gelatina em algum superfície plástica para secar (o “papel de glitter” será descolado de lá depois). Deixe secar por no mínimo 6 horas. Depois de seco, descole a folha da superfície e, com as mãos, pique em pedaços. Bata as folhas no processador de alimentos ou liquidificador até obter o tamanho de glitter desejado.

*Você pode adicionar gel ou pó perolado comestível à receita para dar mais brilho no resultado final. 

 

Gostou da dica? Agora é so cair na folia!